Sexta-feira, 11 de Agosto de 2006

A negligência mata... Actualização - BOAS NOTICIAS

A todos vocês que leram e/ou ajudaram a divulgar a mensagem “a negligência mata” quero agradecer do fundo do meu coração. Às vezes são pequenos gestos que podemos cumprir e que podem fazer a diferença entre a vida e a morte de um animal.
Quero também dizer-vos que, contra todas as expectativas, o macho sobreviveu , tem o osso da bacia e a pata direita da frente partidos, mas não tem lesões nos órgãos internos, agora vai ter de ser operado duas vezes.
 
Muito obrigado a todos.
 
Betamary
 
publicado por linkanimal às 09:49

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Quinta-feira, 10 de Agosto de 2006

A negligência mata... Tenham cuidado com os V. animais

A negligência mata!
 
Esta é uma história infeliz e eu assisti.
Um vizinho meu há cerca de 15 dias foi buscar dois cachorros samoyedo ao Canil Municipal. No passado sábado levou-os a serem vacinados. Não tenho dúvidas de que tenha estima pelos cães e que até achasse que ao retirá-los do canil estava a fazer uma boa acção. Mas embora cachorros, um deles já tinha um porte razoável e o outro um porte médio. Este senhor vive sozinho e saia para trabalhar às 8 da manhã e só voltava ao fim do dia. A casa dele é pequena. Para fazer face ao calor o meu vizinho deixava uma janela aberta, para o ar circular. Ontem aconteceu o pior…
 
Ambos os cães levaram o dia todo a ladrar e da parte da tarde já era agonizante, até que o macho, o maior deles, não obstante o esforço dos vizinhos, jogou-se da janela de uma altura equivalente a um primeiro andar alto. Caiu de lado, fez um estrondo e depois começou a ganir muito alto. Estava vivo, mas em muito mau estado. A pata direita da frente estava partida, a boca do animal estava cheia de sangue, estava cheio de fezes e respirava com dificuldade. Estava semi-deitado, acordado, mas em estado de choque.
 
O dono foi avisado e quando chegou foi alertado para ir de imediato fechar a janela por causa da cadela, mas a sua reacção foi ir buscar o carro para levar o macho ao veterinário. Quando chegou com o carro a fêmea atirou-se da janela. Tentamos todos pegar nela e pensamos que ao amortecer-mos a queda pensamos que se tinha “safado”. Ainda bateu na parte traseira do macho que ganiu e arrastou-se, mas ao fim de poucos segundos no chão, a fêmea virou o pescoço todo para trás ganiu e uivou e entrou em paragem cardíaca. Apesar de julgarmos que estava morta pegamos em ambos os animais e levámo-los ao veterinário. A fêmea ainda estava viva e foi-lhe injectada adrenalina, mas não houve nada a fazer. Quanto ao macho não sei porque teve de ir para outro veterinário e ainda não sei o que lhe aconteceu.
 
Há muitas coisas que me chocaram, nomeadamente, a impassibilidade das pessoas que não queriam que eu tocasse no animal para o levar, porque se ele morresse no caminho eu iria ter problemas com o dono. Isto é inacreditável… Desde quando é que se deixa um animal a sofrer para evitar ter chatices? Outra coisa foi terem chamado o veterinário e este ter-se recusado a vir porque o dono não estava presente e finalmente o facto de no veterinário terem dito que como não dispunham de internamento, não valia a pena fazer-lhe ali primeiros socorros porque era melhor o cão ser atendido noutro lado, onde depois pudesse ficar. Será que ninguém se lembra que um minuto a mais ou a menos faz a diferença entre a vida e a morte?
 
Por favor… a negligência mata:
Não adoptem animais de grande porte se não têm o espaço adequado. Eles não aguentam estar o dia inteiro confinados a 4 paredes.
Além disso, cães como o samoyedo e outras raças nórdicas, além de sofrerem imenso com o nosso calor são animais que precisam de exercício, de correr (eles foram criados para puxar trenós e isso reflecte-se na sua necessidade de movimento).
Finalmente, se deixarem janelas abertas, vedem-nas correctamente com redes adequadas que existem para esse efeito e verifiquem periodicamente as condições da mesma, para o caso de o animal já ter roído alguma parte.
Principalmente adopte animais à medida das suas capacidades. Se não tem espaço nem tempo acredite que só o comer, a água e o carinho não chegam.
Obrigado.
 
Betamary
www.linkanimal.blogs.sapo.pt
publicado por linkanimal às 12:04

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.Link - Adoptado em 25 de Fevereiro de 2007

Adotado no Evelyn's Place.com

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

.Visitas desde 24 de Julho de 2006:

.posts recentes

. A negligência mata... Act...

. A negligência mata... Ten...

.arquivos

. Abril 2012

. Agosto 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.mais sobre mim

.cursor


Cursors

Tell me when this blog is updated

what is this?

.subscrever feeds